© Senhor dos Vinhos. Orgulhosamente criado com Wix.com

  • Instagram Social Icon
  • Twitter B&W
  • Facebook B&W
Please reload

Tags
Destaque

Vinho de Talha: uma produção (quase) milenar

January 29, 2019

1/10
Please reload

Vinho com consciência, saúde ainda melhor

 

 

 

Caro amante do vinho,

 

Como busco ser um amante consciente, hoje venho chamar a atenção sobre um detalhe que não nos chama muito a atenção: o efeito do vinho nos dentes.

 

No tinto, por conta dos pigmentos presentes e nos brancos pela acidez, que entendo ser mais preocupante, descobrimos danos não só estéticos, mas na saúde bucal, acarretando danos na superfície do esmalte.

 

Nos vinhos brancos, por ser mais ácido, causa a desmineralização do dente, ou seja, perda de cálcio, trazendo uma ação mais danosa à superfície dos esmaltes.

 

E naturalmente, após bebê-los, como de costume, fazemos a escovação, ocorrendo um processo abrasivo, isso maximiza o desgaste e com o tempo, vamos deixando um aspecto de dentes envelhecidos.

 

Sem falar em problemas maiores, segundo especialistas, essa situação ocorre porque o ácido age sobre a dentina, pequenos túbulos que fazem a conexão da parte interna com a externa do dente. Esses tubos são abertos, permitindo uma comunicação direta, o que gera a sensibilidade.

 

Sugestão:

Seguindo os dentistas, para ajudar na saúde bucal, a cada gole de vinho, um gole de água deve ser dado. A água ajuda a diminuir a acidez, além da mucosa da boca, auxiliando na remoção de resíduos alimentícios.

 

Prá terminar, sugiro você buscar seu dentista regularmente, e pedir orientações para ele, isso te permitirá ficar mais ligado e poder apreciar seus vinhos  evitando gastos inesperados com sua saúde bucal. Nossa boca também merece cuidado.

 

Assim, na vida são esses detalhes, com consciência, que nos garantem uma qualidade melhor. 

 

Saúde!!

 

 

 

Please reload